domingo, 21 de Outubro de 2012

Filetes de Cavala com Migas de Acelga

Nunca tinha comido cavalas, por achar que não ia gostar, manias, mas ofereceram-me algumas acabadas de apanhar e resolvi experimentar. E não é que gostei?? Fiz assim,




Ingredientes

  • 4 cavalas
  • alho
  • sal
  • pimenta
  • sumo de 1 limão
  • azeite

Para as migas

  • 1/2 broa de milho
  • 1 molho de acelgas
  • 2 dentes de alho picados
  • azeite
  • sal e pimenta

Preparação

Cortar as cavalas em filetes, e temperar com alho picado, sal, pimenta e sumo de limão. Deixar a marinar cerca de 1 hora.
 
Para as migas, cortar a broa em cubos pequenos. Reservar.
Cozer as acelgas cortadas em juliana grosseira, com água e um pouco de sal. Escorrer e reservar.
Numa frigideira, levar ao lume 3 ou 4 colheres de azeite com os alhos e deixar alourar levemente. Juntar as acelgas escorridas e a broa reservada. Mexer frequentemente até a broa começar a desfazer e todos os ingredientes se encontrarem bem envolvidos.
 
Levar ao lume outra frigideira com 2 colheres de azeite e saltear os filetes 2 ou 3 minutos de cada lado.
Servir os filetes com as migas assim que retirar do lume.
 
Bom apetite.

domingo, 14 de Outubro de 2012

Bolo Campestre de Maçã

É domingo, chove lá fora e apeteceu-me um bolo  para o lanche. Depois de ver algumas revistas, na companhia da Beatriz optámos por este.
Espero que gostem e passem um bom domingo.
 
 
 


Ingredientes

  • 150g de manteiga
  • 250g de açúcar amarelo ( reduzi para 150g)
  • 4 ovos
  • 300g de farinha
  • 1 colher de chá de fermento em pó
  • 2 maçãs
  • 1 colher de sopa de açúcar amarelo
  • canela para polvilhar ( opção minha)


Preparação Bimby

Bater a manteiga com o açúcar 3 minutos, temperatura 37, velocidade 3.
Colocar a borboleta e com a máquina na velocidade 3 1/2 ir adicionando os ovos pelo bocal um a um. Bater durante 3 minutos. Adicionar a farinha e o fermento e envolver uns segundos na velocidade 3.
 
Untar uma forma de fundo amovível e polvilhar de farinha. Deitar a massa e cobrir com as maçãs cortadas em meia lua. Polvilhar com a colher de açúcar e canela.
Levar ao forno pré aquecido a 180 cerca de 40 minutos.


Preparação Tradicional

Bater bem o açúcar com a manteiga até obter uma mistura esbranquiçada. Adicionar os ovos um a um batendo sempre.
Por fim juntar a farinha com o fermento e envolver bem.
 
Untar uma forma de fundo amovível e polvilhar de farinha. Deitar a massa e cobrir com as maçãs cortadas em meia lua. Polvilhar com a colher de açúcar e canela.
Levar ao forno pré aquecido a 180 cerca de 40 minutos.

Fonte - Revista O Melhor da Cozinha Portuguesa nº 56 .

sexta-feira, 5 de Outubro de 2012

Abóbora Recheada com Bacalhau

Mais uma vez, os legumes que me chegam a casa semanalmente decidiram esta refeição.
Um prato de outono, não acham?





Ingredientes

  • 1 abóbora pequena
  • 400g de bacalhau desfiado
  • 1 alho francês
  • 150g de polpa da abóbora
  • 1 cebola
  • 1 tomate grande maduro
  • azeite, sal e pimenta
  • salsa
  • pevides de abóbora


Preparação Bimby

Cortar o topo da abóbora e com a ajuda de uma colher retirar a polpa sem danificar a casca.
No copo da Bimby, colocar a cebola, o alho francês, o tomate e a polpa da abóbora e triturar na velocidade 5, 5 segundos.
Juntar o azeite, o sal e a pimenta, 5 minutos, temperatura 100, velocidade colher inversa. Por fim adicionar o bacalhau desfiado e programar 10 minutos, temperatura 100, na mesma velocidade.
 
Rechear a abóbora com o preparado de bacalhau, polvilhar com as sementes e levar ao forno a 180 cerca de 35/40 minutos, até dourar e a abóbora ficar assada.
 
Preparação Tradicional
 
Cortar o topo da abóbora e com a ajuda de uma colher retirar a polpa sem danificar a casca.
Numa caçarola juntar a cebola picada, o alho francês, o tomate e a polpa da abóbora em pedaços pequenos e levar a refogar com o azeite. Temperar de sal e pimenta e juntar o bacalhau desfiado. Deixar cozer cerca de 15 minutos.
 
Rechear a abóbora com o preparado de bacalhau, polvilhar com as sementes e levar ao forno a 180 cerca de 35/40 minutos, até dourar e a abóbora ficar assada.
 
Fonte - Inspirada numa receita da Susana Gomes, no livro Velocidade Colher.