segunda-feira, 24 de outubro de 2011

Pasta Italiana vinda directamente de Aveiro.

No mês passado, durante as férias, um dos fins de semana foi passado com a familia na bonita cidade de Aveiro.
Visitei as salinas, falei com os especialistas na arte do sal, que me mostraram o mesmo de várias formas, e fiquei a conhecer a salicórnia, ou o sal verde, uma planta que nasce junto às salinas, e substitui o sal nas nossas cozinhas. Pode ser usada fresca, ou seca e triturada, que diz quem sabe faz o mesmo efeito. Trouxe um bocadinho comigo, usei e na realidade sabe a sal. É fantástico.
Encontrei ovos moles deliciosos, peixe fresco e uma loja com produtos italianos de perder a cabeça, alguns vieram comigo até ao alentejo como devem calcular. E foi com uma dessas massas que saiu este prato que deixo aqui hoje.

Ingredientes

  • 250g de tianelle
  • 400g de carne de vaca moida
  • 1 cebola
  • 3 dentes de alho
  • 1 tomate maduro
  • 2 folhas de louro
  • 2 colheres de sopa de polpa de tomate
  • 3 colheres de sopa de azeite
  • sal e pimenta q.b.
  • 1 colher de sopa de aregãos secos
  • 1 raminho de alecrim e tomilho frescos
  • queijo mozarella ralado

Para o bechamel
  • 800g de leite
  • 50g de farinha
  • 30g de azeite
  • sal, pimenta e noz moscada q.b.

Preparação Bimby

Dispor a massa num tabuleiro de forno, sem sobrepor e reserve.

No copo, deitar a cebola, os alhos e o tomate e triturar 5 segundos, velocidade 5.
Juntar o azeite, o louro, o sal, a pimenta, a polpa de tomate e refogar 7 minutos, temperatura 100, velocidade colher inversa.
Adicionar a carne e os oregãos e programar mais 15 minutos, na mesma velocidade e temperatura. Reservar.

Sem lavar o copo, preparar o bechamel, deitando todos os ingredientes no copo, 8 minutos, temperatura  90, velocidade 4.

Com a ajuda de uma colher pequena, encher as caixinhas de massa com a carne, cobrir com o bechamel, juntar o tomilho e o alecrim e polvilhar com o queijo.
Levar ao forno pré aquecido a 180º cerca de 35/40 minutos, até a massa cozer e gratinar.


Preparação Tradicional

Dispor a massa num tabuleiro de forno, sem sobrepor e reserve.

Numa caçarola, refogar a cebola, os alhos, o tomate e a polpa, o azeite, o louro, o sal e a pimenta.
Adicionar a carne e os oregãos e deixar cozer.
Noutra caçarola preparar o bechamel, juntando todos os ingredientes, levar a lume brando mexendo sempre para não pegar, até atingir a consistência desejada.

Com a ajuda de uma colher pequena, encher as caixinhas de massa com a carne, cobrir com o bechamel, juntar o tomilho e o alecrim e polvilhar com o queijo.
Levar ao forno pré aquecido a 180º cerca de 35/40 minutos, até a massa cozer e gratinar.

 


A planta que está na imagem de cima é a salicórnia, para quem não conhece deixo a foto que consegui.

34 comentários:

  1. Que massa gira e do modo que fizeste deve ficar bem saborosa. Já tinha ouvido falar da salicórnia mas nunca usei :)

    ResponderEliminar
  2. Que bonitas as imqgens, dá uma vontade de ir passear a Aveiro.. Adorei a massa, que bonito post trazes tu hoje! beijo e boa semana pra ti tb.

    ResponderEliminar
  3. Apesar de viajar diversas vezes Aveiro, desconheçia essa planta.
    Gostei muito desse prato,realmente essa massa é muito bonita.
    Bjs.

    ResponderEliminar
  4. Nunca ouvi falar dessa planta, obrigado por pratilhares...

    Que bela massa!

    Bjs.

    ResponderEliminar
  5. NÃO CONHECIA ESSA MASSA E ACHEI LINDA.
    PENA NÃO ENCONTRAR POR AQUI POIS ADORO MASSAS E ESSA IA-ME AGRADAR.
    O RESULTADO FINAL AGRADOU-ME , UMA DELICIA COM TODA A CERTEZA.
    BOA SEMANA
    BJS

    ResponderEliminar
  6. Acho que o meu primeiro comentário não ficou, se estiver repetido apaga :)
    Eu ainda só experimentei a salicórnia seca e gosto bastante, agora falta-me experimentar a fresca.
    As massas têm um aspecto engraçado, quase que dá pena comer.
    Bjs

    ResponderEliminar
  7. que massas tão lindas. Devem ser uma delicia. Fiquei muito curiosa com essa erva. Tenho de procurar.

    bjos

    ResponderEliminar
  8. Olá Gisela, as tuas fotos estão muito bonitas, realmente Aveiro é uma cidade muito bonita, cheia de encantos. Não conhecia essa planta e achei no minimo curiosa.
    O teu prato de massa está fantástico, pena que a venda dessas( e outras) massas não se estenda a todo o País, pois teriam muita clientela.
    Gostei imenso do teu post,
    beijinhos.

    ResponderEliminar
  9. Gisela,
    Aveiro e' lindo... Gostei muito da massa, bem diferente e original. Gostei muito do modo como preparas-te. Por certo uma delicia : ) As fotos estao lindas, que saudade do nosso Portugal.

    Beijinhos

    ResponderEliminar
  10. Quer massa girissima e como os olhos comem, deve ter ficado bem deliciosa.
    O fim de semana deve ter sido bem interessante. Beijinhos

    ResponderEliminar
  11. Aqui na Figueira da Foz também temos salinas e claro a salicornia. Usuo-a de diversos modos e fica fantástica numa rústica mas saborosa omeleta.
    Boa semana!

    ResponderEliminar
  12. adorei a ideia de rechear os "cestinhos" de massa com a carne. Por acaso nunca usei salicórnia, embora já conhecesse, mas fiquei com vontade de experimentar :)

    ResponderEliminar
  13. Essa massa é lindíssima, já a tive em lacinhos e adorei.

    ResponderEliminar
  14. Vivo perto de Aveiro e não conheço essa loja :( Fiquei cheia de curiosidade de saber onde fica.
    A erva é fantástica :)
    E em Aveiro, o passeio só podia ser fantástico :)***

    ResponderEliminar
  15. Gisela essa massa é linda, não conhecia.
    A salicornia já ouvi falar mas nunca experimentei.

    Beijinho

    P.S. As fotos estão lindas.

    ResponderEliminar
  16. A massa é linda, linda!!!
    Salicórnia nunca usei.

    Bjs

    ResponderEliminar
  17. Gisela, gostei muito das tuas fotos! Aveiro é uma cidade bem bonita, vou lá muitas vezes como moro na Figueira, que é bastante perto. Há pouco tempo experimentei a salicórnia, achei muito interessante esta erva. A massa é adorável! Sabes o nome da loja? Numa próxima oportunidade vou lá!
    Um beijinho.

    ResponderEliminar
  18. Nunca fiz essa massa, parece bastante apetitosa.

    Bjos

    ResponderEliminar
  19. Mas qe massa de bonita, fiqei completamente rendida :D

    ResponderEliminar
  20. Muito fixe amiga...muito mesmo, adorei conhecer a massa, quando a minha cunhada for a casa da mãe tenho de lhe pedir para trazer...

    Obrigada amiga...já rectifiquei ;)...bjokitas bué de grandes

    ResponderEliminar
  21. Que giras estas tacinhas de massa. Os meus miúdos iam adorar! Fico com um aspecto delicioso.
    Também fiquei curiosa quanto à salicórnia...
    Obrigada pela partilha!
    Teresa

    ResponderEliminar
  22. Olá Gisela,

    Estudo em Aveiro e gostava de saber onde fica a loja com produtos italianos que falou, pois não conheço e gostaria de ir lá :)

    Obrigada e um beijinho

    ResponderEliminar
  23. Olá Gisela
    De fato Aveiro é uma cidade linda, as fotos estão maravilhosas!
    Essa massa deixou-me no mínimo curiosa, parece-me bem agradável! O prato ficou um luxo!
    Beijinhos

    ResponderEliminar
  24. Finalmente estou de volta...
    Mal "entrei" na tua cozinha e já estou completamente babada...esta pasta está de dar água na boca e o teu bolinho...ai ai, que delícia!

    Beijinhos

    ResponderEliminar
  25. Que massa linda e que refeição deliciosa!

    ResponderEliminar
  26. Bem... estamos sempre a aprender...
    Hoje foi um dia desses...
    Obrigado por partilhares...
    E quanto às massas parece-me uma excelente sugestão...
    Aveiro... trás-me boas recordações... Gostei de ter vivido em Aveiro...
    Obrigado por partilhares...
    Beijinhos e bom fim de semana...

    ResponderEliminar
  27. Muito obrigada a todos pelos comentários e visitas.

    Para quem está interessado na loja, ela chama-se Degustação Pura, http://www.linkb2b.pt/empresas/lojas-comercio/minimercados/degustacao-pura-509551297.php
    fica aqui o link do que consegui encontrar na net sobre a mesma.
    Fica no centro de Aveiro, é uma loja pequenina mas com tanta coisa que gostaria de ter trazido.

    Um beijo e bom resto de semana

    ResponderEliminar
  28. Obrigada!!! :) Vou procurar!!!

    Beijinhos

    ResponderEliminar
  29. grande pintarola, gisela!!!!!!!!!beijo grande.

    ResponderEliminar
  30. E ñão é que ando meia atrasada mas vou a tempo de comentar que gostei deste post e a massa ás riscas é a minha cara.

    Beijinhos

    Pi
    Fernanda

    ResponderEliminar
  31. caso tu nao sabias eu sou de Aveiro pois nasci la e essas fotos estam mesmo a meu gosto pois nao sou muito longe de la pois quando posso la vou eu asim como este natal gostei muito do teu parto beijinhos

    ResponderEliminar
  32. Esta massa às ricas é mesmo diferente! Imagino em casas com miúdos, deve ser o delírio da criançada. :)

    ResponderEliminar
  33. Essa massa também se vende na loja gourmet do El Corte Inglês. É muito bonita e há em vários formatos

    ResponderEliminar
  34. Essa massa também se vende na loja gourmet do El Corte Inglês. É muito bonita e existe em vários formatos.

    ResponderEliminar