terça-feira, 22 de Julho de 2014

Frango Agridoce

Quinze dias com Nigel Slater, o cozinheiro amador e não o chef profissional, como ele gosta de ser conhecido.
Um amador que me fascina em termos culinários, pela sua simplicidade e excelentes pratos que apresenta nos seus livros e programas televisivos. Foi num destes últimos que vi esta receita e anotei para experimentar. Aqui está ela.
Ele não mencionou quantidades, foi feito a olho, mas eu vou colocar as quantidades que fiz.




Ingredientes


  • 1 kg de pernas e coxas de frango 
  • sumo de 2 limões grandes
  • 4 colheres bem cheias de sopa de mel
  • pimenta preta
  • sal
  • 4 dentes de alho esmagados
  • 1 colher de sopa de mostarda ( usei doce)
  • salsa picada



Preparação

Colocar o frango num tabuleiro de forno.
Juntar o sumo de limão, os alhos, o mel, o sal e a pimenta e a mostarda. Mexer e deixar repousar uma ou duas horas.
Levar ao forno  até assar.
Polvilhar com salsa picada.

Mais simples que isto é impossível, e mais saboroso também...
Acompanhámos com arroz selvagem frito com alho.

sexta-feira, 18 de Julho de 2014

Muffins de Açafrão e Mirtilos

Desde que vi estes muffins no blog do Célio, que eles não me saiam da cabeça. Fui comprar o que fazia falta e deitei mãos à obra.
Pouco doces, aliás, nem açúcar levam, as tâmaras fazem esse papel,  integrais, com fruta fresca, o ideal para um pequeno almoço ou um lanche.

E como este blog anda muito afastado de coisinhas doces, hoje eles voltaram para alegrar o fim de semana.

Espero que gostem tanto como eu gostei!



Ingredientes


  • 100g de nozes ( ou avelãs ou amêndoas)
  • 85g de flocos de aveia integrais
  • 90g de farinha de trigo integral ( ou outra a gosto)
  • 1 1/2 colher de chá de fermento em pó
  • 1/2 colher de chá de bicarbonato de sódio
  • 1 colher de sopa de açafrão
  • 1/2 colher de chá de sal
  • 1 pitada de pimenta preta
  • 160 ml de butermilk ( usei leite com uma colher de sopa de vinagre e repousa 10 minutos)
  • 80g de margarida ( ou azeite)
  • 2 bananas maduras
  • 6 tâmaras secas
  • 3 ovos
  • 150g de mirtilos frescos ou congelados


Para a cobertura ( as quantidades que usei)


  • 50g de flocos de aveia
  • 20g de amêndoa laminada
  • 2 colheres de sopa de azeite
  • 1 colher de sopa de mel


Preparação

Aquecer o forno a 190º e untar 12 formas de muffins ou usar formas de papel.
Num processador de alimentos colocar a aveia e as nozes e triturar até obter uma farinha grossa. Transferir para uma taça e juntar a farinha, o fermento, o açafrão o sal, a pimenta e o bicarbonato. Misturar e reservar.
No mesmo processador colocar o butermilk, as bananas, as tâmaras descaroçadas e a margarina e misturar até obter uma mistura homogénea.
Juntar esta mistura aos ingredientes secos. À parte bater os ovos até ficar uma mistura espumosa e fofa e adicionar à mistura anterior. Com uma espátula envolver bem os ingredientes até obter uma massa bem misturada.
Distribuir a mistura pelas formas dos muffins e por cima colocar os mirtilos pressionando levemente.
Para o crumble, picar a amêndoa grosseiramente e juntar aos restantes ingredientes. Distribuir por cima dos muffins e levar ao forno cerca de 20 minutos.

domingo, 13 de Julho de 2014

Galette de Cogumelos

Desde que recebi o livro  Fast, fresh, simple da Donna Hay, que comprei recentemente  com a ajuda de uma amiga que vive em Inglaterra e mo arranjou a um preço excelente, que esta galette me pisca o olho. Ainda não tinha tido oportunidade de a fazer, até hoje. Aproveitei o facto da minha filha estar fora, já que ela não gosta de cogumelos.
A massa fiz à minha maneira, seguindo esta receita com algumas alterações,  o recheio também alterei mas muito pouco. Deixo a receita tal como a fiz, espero que gostem.

A cor escura deve-se à qualidade dos cogumelos que usei, se usar brancos o aspecto é diferente.




Ingredientes

Massa

  • 140g de farinha sem fermento
  • 80g de manteiga fria em cubos pequenos
  • sal e pimenta preta
  • 1 colher de sobremesa de mostarda
  • 2 colheres de sopa de água fria

Para o recheio

  • 3 colheres de sopa de manteiga
  • 1 dente de alho
  • 10 cogumelos portubelo
  • 1/2 alho francês cortado finamente
  • 200g de ricota
  • 1 colher de chá de raspa de limão
  • 2 colheres de sopa de azeite
  • 1 haste de tomilho

Preparação

Começar por preparar a massa. Deitar numa taça a farinha e adicionar a manteiga. Com os dedos trabalhar a mistura até obter uma espécie de migalhas. Temperar de sal e pimenta preta, juntar a mostarda e continuar a mexer com os dedos. Adicionar a água aos poucos até obter uma massa moldável que se despegue das mãos.
Formar uma bola, enrolar em película e levar ao frigorífico cerca de 20 minutos.

Ligar o forno a 200º.

Para o recheio, levar ao lume, numa frigideira larga, a manteiga. Quando estiver quente adicionar o alho picado. Passados cerca de 30 segundos juntar os cogumelos laminados e deixar cozer 5 minutos, mexendo ocasionalmente. Juntar metade do alho francês, cortado finamente no sentido do comprimento, sal, pimenta e o tomilho. Deixar cozer mais 5 minutos e reservar.

Em cima de uma folha de papel vegetal, e com um pouco de farinha, estender a massa até obter um circulo fino.
Deitar a ricota por cima da massa deixando uma margem à volta de 4 ou 5 cms. Deitar a raspa de limão e por cima a mistura dos cogumelos. Por cima colocar o restante alho francês e o azeite.
Dobrar as bordas da massa por cima do recheio de modo a que este não saia durante a cozedura e levar ao forno por cerca de 20 minutos ou até a massa ficar cozida e dourada.
Servir morna .

quarta-feira, 9 de Julho de 2014

Coelho Estufado com Tomate e Manjericão

Na quinzena que decorre, a escolha da administradora do grupo Quinze Dias com..., foi o chef António Carluccio, italiano, apaixonado por cogumelos, mudou-se para Londres, onde em 1981 abre o seu primeiro restaurante em Covent Garden, e até aqui, um desconhecido para mim.

Depois de algumas pesquisas,  encontrei algumas receitas que me agradaram mas a escolhida foi esta que vos mostro hoje.




Ingredientes


  • 1 coelho com cerca de 1 kg partido em pedaços pequenos com os miudos
  • 4 colheres de sopa de farinha de trigo
  • 3 colheres de sopa de azeite
  • 4 colheres de sopa de óleo
  • 200 ml de vinho branco
  • 4 dentes de alho
  • 200gr de tomate maduro ( usei de lata)
  • 2 colheres de sopa de manjericão picado
  • sal e pimenta preta


Preparação

Polvilhar os pedaços de coelho com farinha e sacudir o excesso. Numa frigideira larga, colocar o óleo e fritar os pedaços de coelho até dourar todos os lados. Reservar.
Num tacho colocar o azeite e fritar o alho picado até ficar macio. Adicionar os miudos bem picados e metade do vinho branco. Cozinhar 2 ou 3 minutos. 
Juntar o tomate picado, o coelho reservado com o molho, o resto do vinho e o manjericão. Temperar de sal e pimenta e levar a cozer cerca de 25 minutos ou até o coelho estar macio. Se secar muito adicionar um pouco de água.
Servir de imediato.

Acompanhei com puré de batata.

Sugestão - Sobrou uma quantidade grande de coelho e bastante molho que aproveitei no dia seguinte, desfiando a carne e juntando esparguete integral. Fez-se assim outro jantar para os 3.


domingo, 6 de Julho de 2014

Feijão Verde com Ovos e Tomate

Com feijão verde e tomate biológico, ovos caseiros e uma bela dose de preguiça o que fazer para o almoço?  Este prato que nos soube tão bem, e fez-se num instante.

Boa semana!




Ingredientes


  • 500g de feijão verde
  • 1 lata pequena de tomate pelado aos pedaços
  • 1 alho francês pequeno
  • 4 ovos
  • 2 dentes de alho
  • 2 colheres de sopa de azeite
  • sal e pimenta preta


Preparação

Cortar o feijão verde em pedaços com cerca de 4 cms. Cozer em água e sal e reservar.

No wok deitar o azeite, os alhos picados e o alho francês cortado muito fino. Deixar alourar levemente e adicionar o tomate.
Ferver até reduzir a água do tomate.
Juntar o feijão verde escorrido, temperar de sal e pimenta e deixar ferver cerca de 5 minutos.
Numa taça, bater os ovos e juntar ao preparado, mexendo até os ovos cozerem sem deixar secar.

terça-feira, 1 de Julho de 2014

Dourada com Laranja e Rosmaninho

Nada me satisfaz mais, em termos gastronómicos, que uma dourada fresca. É o meu peixe preferido sem duvida.
Desta vez  o desafio Dia Um...na Cozinha, tem como protagonista o peixe. E aqui fica o meu, simples mas aromático.




Ingredientes

  • 2 douradas com cerca de 500gr cada, arranjadas
  • 6 pés de rosmaninho
  • 2 laranjas em rodelas finas
  • 4 colheres de sopa de azeite virgem
  • flor de sal
  • pimenta preta


Preparação

Ligar o forno a 180º.
Num tabuleiro de forno, colocar 1 laranja em rodelas finas e um pouco do rosmaninho.
Dentro da barriga do peixe, colocar o resto das laranjas, rosmaninho, flor de sal e pimenta. Reservar cerca de 30 minutos.

Colocar as douradas no tabuleiro, cobrir com flor de sal, pimenta, o resto do rosmaninho e o azeite.
Levar ao forno cerca de 35 a 40 minutos ou até o peixe estar assado.

Para acompanhar assei, numa assadeira à parte, batata nova com pele, temperada de alho moído, alecrim, azeite, sal e pimenta, e cozi ervilhas de quebrar.


domingo, 22 de Junho de 2014

Hamburguer Gourmet

Tenho andado um pouco desaparecida do blog, eu sei, mas foram uns dias de férias, muito calor sem vontade de fazer nada e o aniversário da filhota, 18 aninhos feitos ontem. 
Mas hoje estou de volta para participar mais uma vez nos Quinze dias com..., desta vez com a Chef Donna Hay, de quem eu muito gosto. Receitas muito simples, rápidas mas com muito sabor.
Depois de uma volta ao livro que adquiri recentemente desta senhora, passei pela pagina dela, mas foi num programa no 24Kitchen que a minha filha viu a receita que aqui partilho hoje. 
Um hambúrguer de encher a barriga e nos deixar satisfeitos.




Ingredientes


  • 500g de carne picada ( usei vaca)
  • 1 colher de sopa de molho inglês
  • 1 colher de sopa de polpa de tomate
  • 2 dentes de alho esmagados
  • 2 colheres de sopa de coentros picados ( no original salsa)
  • sal marinho e pimenta preta
  • 4 fatias de queijo
  • 8 fatias de bacon ( no original panceta)
  • 4 pães redondos torrados
  • folhas verdes ( alface, espinafres, rúcula...)


Preparação

Numa taça colocar a carne, o molho inglês, o molho de tomate, os coentros, o alho, o sal e a pimenta e misturar bem.
Com a mão, formar 4 hambúrguer apertando bem a carne para não se desfazerem. Colocar uma fatia de bacon de cada lado de cada hambúrguer.

Aquecer uma frigideira anti aderente e quando estiver quente colocar os hambúrguer. Deixar assar cerca de 4 minutos de cada lado ou até estar a gosto.

Torrar o pão.

Servir cada hambúrguer no pão com uma fatia de queijo e salada verde.
Acompanhei com batata frita.

Pode servir também com cebola caramelizada ou chutney.

quinta-feira, 5 de Junho de 2014

Salada de Grão e Bacalhau

Mais uma quinzena, e nesta segunda edição de  Quinze dias com..., o convidado é um chef bem português, o chef Henrique Sá Pessoa.

Sempre que consegui vi o seu programa Ingrediente Secreto, comprei o 1º livro, e esta receita veio da  página com o mesmo nome.

Uma receita simples, rápida mas com um toque de sofisticação a que ele já nos habituou.




Ingredientes


  • 500g de bacalhau
  • 1 lata grande de grão cozido
  • 1 cebola roxa
  • 2 dentes de alho
  • 1/2 colher de chá de cominhos
  • 1/2 colher de chá de paprica
  • Azeite q.b.
  • 1 tomate grande 
  • coentros frescos 
  • pimenta preta


Preparação

Cozer o bacalhau, lascar e deixar arrefecer.

Numa frigideira, refogar a cebola e os alhos muito bem picados com o azeite, os cominhos e a paprica.  Deixar 3 minutos e retirar do lume.
Numa taça, misturar o grão escorrido com o refogado e envolver bem de modo a misturar os sabores.
Adicionar o tomate aos cubos e o bacalhau reservado.
Juntar os coentros picados, temperar de pimenta e servir.


Notas do chef 

Juntar sempre as especiarias no inicio do refogado.
Servir esta salada à temperatura ambiente e nunca saída do frigorífico.


domingo, 1 de Junho de 2014

Brownies de Feijão Branco e Aveia

Estes brownies, bem diferentes dos originais, são bastante agradáveis e um bocadinho mais saudáveis, sem gordura, pouco açucar, ideais para quem não quer deixar de comer uma goluseima de vez em quando mas sem excessos.
E acreditem, ninguém descobre do que são feitos, a não ser de chocolate. E mais uma coisa boa, fazem-se em 2 minutos, não é bom?

Com esta receita desejo  um excelente Dia da Criança, a todas as Crianças do Mundo!!

Participo também em mais um Dia Um...na Cozinha, desta vez sobre Brownies, e que comemora hoje o seu 1º aniversário. Parabéns!!

A receita veio da Cozinha da Lídia, da minha amiga Lídia, com algumas alterações minhas.



Ingredientes

  • 400g de feijão branco cozido e escorrido 
  • 40g de chocolate em pó
  • 30g de cacau em pó magro
  • 60g de farinha de trigo com fermento
  • 20g de flocos de aveia integral
  • 180g de açúcar
  • 3 ovos L
  • 1 colher de chá de aroma de baunilha
  • 1/2 cup de pepitas de chocolate
Para servir (opcional)

  • framboesas frescas
  • gelado de baunilha


Preparação Bimby

Untar uma forma quadrada e forrar de papel vegetal. Reservar.
Pré aquecer o forno a 180º.

Colocar todos os ingredientes no copo, excepto as pepitas e misturar 20 segundos, velocidade 5, de modo a obter uma mistura homogénea.

Deitar a mistura na forma preparada, espalhar as pepitas por cima e levar ao forno cerca de 20 minutos, ou até espetar o palito ele sair seco mas húmido. O brownie tem que ficar ligeiramente húmido no centro para não ficar seco.

Deixar arrefecer sobre uma rede, cortar em quadrados, e servir com framboesas frescas e gelado de baunilha.


Preparação Tradicional

Untar uma forma quadrada e forrar de papel vegetal. Reservar.
Pré aquecer o forno a 180º.

Colocar todos os ingredientes, excepto as pepitas, num processador de alimentos e bater até obter uma mistura homogénea.
Se não tiver um processador, triturar bem o feijão com a varinha mágica, e numa taça bater esse puré com o resto dos ingredientes.

Deitar a mistura na forma preparada, espalhar as pepitas por cima e levar ao forno cerca de 20 minutos, ou até espetar o palito ele sair seco mas húmido. O brownie tem que ficar ligeiramente húmido no centro para não ficar seco.






terça-feira, 27 de Maio de 2014

Carbonara de Chouriço

Fui convidada a participar num grupo, Quinze dias com... onde o objectivo é fazer e publicar quinzenalmente uma receita de um Chef. 
Como gosto de desafios aceitei, e aqui fica a minha 1ª contribuição, uma receita do Jamie Oliver, Chef escolhido da quinzena.
Espero que gostem.




Ingredientes


  • 250g de tagliatelle
  • 100g de chouriço de boa qualidade
  • 2 salsichas frescas ( não faz parte da receita original mas coloquei)
  • 2 pés de alecrim
  • 1 colher de sopa de azeite
  • 4 dentes de alho
  • pimenta
  • 1 ovo grande
  • 1/2 limão
  • 4 colheres de sopa de iogurte natural magro


Preparação

Picar finamente o chouriço e cortar as salsichas em rodelas, depois de retirar a pele, e colocar numa frigideira com o alecrim, o azeite, uma pitada de pimenta e os alhos esmagados com a casca. Mexer até ficar com um aspecto dourado.

Numa panela larga colocar água e sal e levar ao lume. Quando começar a ferver juntar a massa e cozer de acordo com as instruções da embalagem. Retirar e escorrer aproveitando uma chávena da água.

Numa taça, bater o ovo com o sumo de limão e o iogurte. Adicionar um pouco da água de cozer a massa e mexer bem.

Deitar a massa escorrida na frigideira, envolver bem com a mistura do chouriço, retirar do lume e adicionar o molho envolvendo bem.

Servir de imediato.

Fonte - Refeições em 15 minutos.

sexta-feira, 23 de Maio de 2014

Rugelach da Dorie, ou uns mini croissants muito saborosos!!!

Mais uma quinzena, mais uma receita da Dorie para o grupo Dorie às Sextas. Desta vez não passei e deitei mãos à massa.
Que coisa boa meus amigos!!! Ficam uns croissants pequeninos, recheados de muita coisa boa!!! Bem, testem que vale muito a pena.

As quantidades e ingredientes que partilho foi o que usei, não são exactamente os da receita original.




Ingredientes

para a massa

  • 115g de queijo creme
  • 115g de manteiga fria
  • 1 cup de farinha
  • 1 pitada de sal


Para o recheio

  • 2/3 cup de compota ( usei de morango e framboesa)
  • 2 colheres de sopa de açúcar
  • 1 colher de chá de canela em pó
  • 1/2 cup de nozes picadas grosseiramente
  • 1/2 cup de amêndoa laminada
  • 115g de chocolate picado ou 2/3 cup de pepitas de chocolate



Preparação

Para a massa, deixar o queijo e a manteiga fora do frigorífico cerca de 10 minutos de modo a ficarem mais maleaveis mas frios.
Num processador de alimentos, deitar a manteiga em pedaços, o queijo, o sal e a farinha e pulsar cerca de 6 a 10 vezes.Continuar a misturar até obter pedaços grandes sem deixar formar uma bola.
Retirar, formar 2 discos , embrulhar em papel firme ( usei celofane) e levar ao frigorífico pelo menos 2 horas ou até de um dia para o outro.

Deitar a compota numa caçarola e levar ao lume até ficar liquido.
Misturar o açúcar e a canela numa taça.
Forrar 2 tabuleiros com papel vegetal ou tapetes de silicone ( A Dorie aconselha o tapete, eu usei papel vegetal)

Tirar a massa do frio e se estiver demasiado firme deixar na bancada cerca de 10 minutos. Com a bancada enfarinhada, estender cada disco num circulo com cerca de 28 a 30 centímetros. Pincelar a massa com uma camada fina de compota . Polvilhar com metade do açúcar e canela, as nozes e metade do chocolate. 
Pressionar suavemente o recheio sobre a massa com papel ceda, ou como eu fiz, com a palma da mão. Com um cortador de pizza cortar o circulo em 16 triângulos ( como se fossem fatias de pizza) .
Começando na base de cada triângulo, enrolar a massa de modo a formar pequenos croissants.
Colocar os bolos no tabuleiro e levar ao frio cerca de 30 minutos ( não o fiz, levei logo ao forno).

Eu fiz duas versões, uns com compota de framboesa, nozes e chocolate e outros com compota de morango, amêndoa laminada e chocolate.

Polvilhar os bolinhos com açúcar e levar ao forno a 180º, cerca de 25 minutos, ou até estarem cozidos e dourados.

Notas - Os bolos depois de tendidos podem ser refrigerados durante a noite ou congelados até 2 meses, não os descongelando para levar a cozer mas sim dando mais uns minutos de cozedura.
A Dorie mistura 1 ovo, com 1 colher de sopa de água para os pincelar antes de irem ao forno, eu não o fiz.
Na receita original também leva passas de uva, não usei por não apreciarmos.

1 cup - 235 ml

Fonte - Baking da Dorie Greenspan

domingo, 18 de Maio de 2014

Bolo de Ananás

Comemora-se hoje o World Baking Day, e para marcar a data deixo um bolo de ananás com caramelo que muito gosto.
Aqui em casa, tudo se faz e os bolos não são excepção. Gosto de comer e dar à minha família aquilo que conheço, e para isso nada melhor que ser eu mesma  a fazer não acham?




Ingredientes

  • 5 ovos
  • 200g de açúcar
  • 200g de farinha
  • 1 colher de chá de fermento em pó
  • 150g de manteiga amolecida ( uso Vaqueiro)
  • 1 lata grande de ananás em calda
  • caramelo para untar a forma

Preparação

Pré aquecer o forno a 160º ou 165º.

Numa taça, bater bem as gemas com o açúcar até obter uma gemada bem cremosa. Juntar a manteiga e bater mais um pouco. Adicionar a farinha e o fermento e quando estiver bem envolvido juntar as claras em castelo envolvendo suavemente para não perderem volume.

Untar uma forma redonda com o caramelo e forrar o fundo com o ananás bem escorrido.
Deitar a massa e levar ao forno cerca de 50 minutos, ou até espetar um palito e o mesmo sair seco.

Desenformar sobre um prato de servir, deixar arrefecer e deliciar-se!!!

quinta-feira, 1 de Maio de 2014

Pão Integral com Alcaravia

Para o desafio Dia Um...Na Cozinha, que tem como tema, este mês, o Pão, alimento presente em todas as mesas, preparei um pão integral com sementes de alcaravia.

Aqui em casa 90% do pão que se consome é integral, e eu gosto de fazer as minhas misturas para alcançar um pão bem a nosso gosto, as sementes neste caso deram-lhe um toque especial e muito agradável.
Espero que gostem tanto como nós.




Ingredientes


  •  200g de farinha de trigo
  • 180g de farinha de trigo integral
  • 120g de farinha de trigo serraceno
  • 2 colheres de chá de sementes de alcaravia
  • sal a gosto
  • 20g de fermento de padeiro fresco
  • 1,4 dl de leite
  • 1 colher de chá de mel
  • 2,4 dl de água
  • farinha integral para tender


Preparação Bimby

Colocar no copo o leite, o mel e o fermento  1 minuto, temperatura 37º, velocidade 1
Adicionar as farinhas, o sal, as sementes e a água morna ( tirei directamente morna da torneira), 20 segundos, velocidade 6.
Amassar 3 minutos, velocidade espiga. verificar se a massa está despegada do copo, a minha estava, senão, acrescentar mais um pouco de farinha e amassar mais 1 minuto.
Deixar a massa no copo, tapado com um pano, cerca de 45 minutos até duplicar de volume.
Retirar para a bancada polvilhada de farinha integral, e dar a forma pretendida. Colocar num tabuleiro forrado de papel vegetal e deixar duplicar novamente o volume.
Com uma faca, fazer uns cortes transversais no pão, humedecer levemente com água e levar ao forno a 200º cerca de 30 minutos ou até estar dourado e ao bater no fundo com os nós dos dedos o som soar oco.

Deixar arrefecer sobre uma grelha e comer, e comer...


Preparação Tradicional

Numa tigela grande juntar as farinhas, as sementes, o sal e abrir um buraco no meio. Dissolver o fermento no leite morno e no mel e verter esta mistura na taça da farinha. Vá juntando a água e amassando até obter uma massa macia.
Colocar a massa sobre uma superficie enfarinhada e amassar durante 10 minutos. Deixar repousar até dobrar de volume.
Voltar a amassar, dar-lhe a forma pretendida, colocar num tabuleiro forrado de papel vegetal e deixar duplicar novamente o volume.
Com uma faca, fazer uns cortes transversais no pão, humedecer levemente com água e levar ao forno a 200º cerca de 30 minutos ou até estar dourado e ao bater no fundo com os nós dos dedos o som soar oco.

Deixar arrefecer sobre uma grelha .


domingo, 27 de Abril de 2014

Bacalhau Gratinado com Legumes.

Vamos voltar às receitas menos calóricas aqui em casa, a Páscoa fez-nos um bocadinho mal como devem imaginar, por isso agora vamos recuperar, os dias já aquecem...espero eu..., e as comidas mais leves já apetecem.
Hoje o almoço foi o que vos trago, e uma óptima maneira de fazer a minha filha comer legumes que por vontade dela passam sempre ao lado.




Ingredientes


  • 500g de bacalhau desfiado
  • 2 courgetes médias
  • 2 cenouras
  • 1 cebola
  • 1 folha de louro
  • 2 chávenas de espinafres
  • 1 ramo de salsa
  • 3 colheres de sopa de azeite
  • sal, pimenta preta e noz moscada moída
  • queijo mozarela ralado


Para o bechamel


  • 400g de leite
  • 30g de farinha
  • 2 colheres de sopa de azeite
  • sal, pimenta preta e noz moscada moída



Preparação Bimby

Colocar no copo a cebola e a salsa e triturar na velocidade 5, 5 segundos.
Juntar o azeite e o louro e refogar 5 minutos, velocidade colher, temperatura 100º.
Enquanto isso, num robot de cozinha ralar grosseiramente a cenoura e a courgete.
Juntar os legumes ao refogado, mexer e adicionar o bacalhau, temperar de sal, pimenta e noz moscada e cozer 7 minutos, temperatura 100, velocidade inversa.
Retirar para um tabuleiro de forno, juntar os espinafres e preparar o bechamel.
Sem lavar o copo juntar todos os ingredientes do molho e programar 9 minutos, temperatura 90º, velocidade 4.
Juntar ao bacalhau,envolver tudo e polvilhar com o queijo ralado.

Levar ao forno a 180º a gratinar e servir com uma salada a gosto.


Preparação Tradicional

Numa frigideira anti aderente, ou num wok, refogar a cebola e a salsa picadas com o louro e o azeite. Adicionar os legumes ralados grosseiramente com a ajuda de um robot de cozinha e o bacalhau, envolver e deixar cozer cerca de 5 minutos e evaporar o liquido que se formar.
Retirar a mistura para um tabuleiro de forno, juntar os espinafres e reservar.

Preparar o bechamel, juntando todos os ingredientes numa caçarola e levar a lume brando, mexendo sempre até atingir a consistência desejada.
Juntar o molho ao bacalhau reservado, envolver, polvilhar com o queijo ralado e levar ao forno a 180º até gratinar.

Servir com salada a gosto.




quarta-feira, 16 de Abril de 2014

Bola Doce Mirandesa e uma Páscoa Feliz!

Uma bola que para mim é um folar.

Ideal para quem não gosta de bolos muito doces, assim como eu. 

Espero que gostem e passem uma Páscoa Feliz!!! E Docinha....






Ingredientes


  • 250g de leite
  • 50g de manteiga à temperatura ambiente
  • 160g de açúcar
  • 20g de fermento de padeiro fresco
  • 500g de farinha sem fermento ( tive que acrescentar mais 100 ou 150)
  • 1 colher de chá de sal
  • 50g de azeite
  • 1 ovo
  • 2 gemas de ovo
  • 20g de canela em pó



Preparação Bimby

Colocar no copo o leite, 25g de manteiga, 10g de açúcar e o fermento, aquecer 1 minuto, temperatura 37, velocidade 1.
Adicionar a farinha e o sal e amassar 2 minutos na velocidade espiga. Deixar levedar dentro do copo até duplicar de volume, cerca de 1 hora.
Baixar o que estiver agarrado às paredes do copo com a espátula e adicionar o azeite, o ovo, as gemas, 25g de manteiga e amassar mais 1 minuto na velocidade espiga. Nesta fase tive que adicionar mais um bocado de farinha porque a massa ficou muito mole e peganhenta.

Pré aquecer o forno a 180º. 

Numa supeficie polvilhada de farinha e com a ajuda de um rolo esticar 1/3 da massa e forrar o fundo e as laterais de um tabuleiro untado com 30X25 cm. Polvilhar com 2 colheres de sopa de açúcar e canela.
Dividir a restante massa em 5 pedaços iguais e estender finamente cada um em rectângulo. Ir colocando no tabuleiro alternando cada camada de massa com açúcar e canela, de modo a ficar bem coberto com esta mistura. Unir as extremidades da ultima camada com as laterais e fechar bem. Polvilhar apenas com açúcar e levar ao forno cerca de 25 minutos.
Servir morna ou fria.

Preparação Tradicional (não testada)

Aquecer um pouco o leite e dissolver o fermento. Juntar 25g de manteiga, 10g de açúcar e mexer bem. Acrescentar a farinha  e o sal e amassar um pouco.
Deixar levedar até duplicar de volume.
Adicionar o ovo, as gemas, o azeite e a restante manteiga e amassar mais um pouco até obter uma massa macia . Se necessário adicionar mais farinha.

Para montar a bola, proceder como mencionado acima.



Fonte - Momentos de partilha de Abril/2014

domingo, 13 de Abril de 2014

Lasanha de Carne e um Agradecimento

Quero, antes de mais agradecer a todos os que me felicitaram de uma maneira ou de outra pelo meu aniversário. Muito, muito obrigada a todos.
 Esta agradecimento já devia ter sido feito, não fosse uma excelente semana de férias que me deixou longe do PC, do blog e da cozinha.
Mas estou de volta, e desta vez com um prato salgado, a pedido da minha filha, que também chegou de uma viagem de finalistas, e vinha cheia de saudades da comidinha da mãe, especialmente da lasanha que tanto gosta. 




Ingredientes

Para a massa


  • 200g de farinha sem fermento
  • 2 ovos
  • 1 colher de sobremesa de azeite
  • sal


Para a carne


  • 500g de carne moída de vitela
  • 1 cebola
  • 2 dentes de alho
  • 1 ramo de salsa
  • 1 lata de tomate pelado ou 4 tomates bem maduros
  • 10 cogumelos frescos ou 1 lata pequena
  • 2 cenouras
  • 2 colheres de sopa de polpa de tomate
  • sal, pimenta preta e noz moscada
  • 3 colheres de sopa de azeite
  • 1 colher de sopa de oregãos secos


Para o bechamel


  • 700g de leite
  • 70g de farinha
  • 2 colheres de sopa de azeite
  • sal, pimenta e noz moscada


  • Queijo mozzarela ralado


Preparação Bimby

Comece por preparar a massa fresca colocando todos os ingredientes no copo da Bimby, 15 segundos, velocidade 6.
Programar mais 2 minutos, velocidade espiga.
Retirar e reservar.

No copo deitar a cebola, os alhos, a salsa, os cogumelos, a cenoura e o tomate e triturar 10 segundos, velocidade 5.
Baixar o que ficou agarrado às paredes do copo, juntar o azeite e refogar 5 minutos, temperatura 100, velocidade 1.
Adicionar a polpa de tomate, a carne,  temperar com sal, pimenta e noz moscada moída, os oregãos e programar 10 minutos, temperatura 100, velocidade colher inversa.

Enquanto a carne coze, esticar a massa na máquina própria, ou com o rolo da massa até ficar com a consistência de placas de lasanha. Cortar em rectângulos e deixar repousar sobre um pano de cozinha polvilhado levemente de farinha.

Depois da carne pronta, retirar para uma taça e sem lavar o copo, deitar todos os ingredientes para o bechamel e programar 9 minutos, temperatura 90, velocidade 4.

Montar a lasanha, fazendo camadas alternadas de massa e carne, terminar com o bechamel e polvilhar abundantemente com o queijo ralado.
Levar ao forno até a massa cozer e o queijo gratinar, cerca de 30 minutos.


Preparação Tradicional

Começar por preparar a massa, deitando a farinha numa taça larga. Abrir uma cavidade ao meio, introduzir os restantes ingredientes e amassar até obter uma massa moldável. Reservar.

Numa caçarola, refogar a cebola picada, os alhos picados, a salsa picada, os cogumelos, a cenoura ralada, o tomate desfeito e o azeite.
Adicionar a polpa de tomate e a carne, temperar com os oregãos, noz moscada, sal e pimenta, tapar e deixar cozer.

Entretanto estender a massa como explicado acima.

Para o bechamel juntar todos os ingredientes numa caçarola anti aderente, levar a lume brando mexendo sempre até engrossar e atingir a consistência desejada.

Para a montagem da lasanha proceder como mencionado acima.



Nota - Eu trituro os cogumelos e a cenoura para a minha filha comer, ela não gosta de os encontrar mas gosta do sabor. 
Se a carne não tiver molho, vou alternando algumas camadas com um pouco do bechamel para a lasanha não secar no forno.

quarta-feira, 2 de Abril de 2014

Um Miminho.....para Mim!

Pois é verdade, hoje faço 45 anos, e a minha filha e marido pegaram na Bimby, numa receita, e deitaram mãos à obra para me fazerem este fantástico bolinho.
Adorei como devem imaginar, desde que sai de casa da minha mãe, aos 20 anos, nunca me tinham feito um bolo.
Obrigada meus amores!!
Estava tão bom!!




Ingredientes

  • 5 ovos grandes
  • 1 iogurte grego
  • 200g de açúcar
  • 100g de óleo
  • 200g de farinha 
  • 1 colher de chá de fermento


Preparação Bimby

Pré aquecer o forno a 160º.

Bater os ovos, o açúcar, o óleo e o iogurte 5 minutos, velocidade 4.
Adicionar a farinha e o fermento 7 segundos, velocidade 3 1/2.

Levar ao forno em forma untada e polvilhada de farinha ou pulverizada com spray desmoldante cerca de 45/ 50 minutos ao até espetar o palito e ele sair seco.

Desenformar sobre uma grelha e deixar arrefecer.


Preparação Tradicional

Pré aquecer o forno a 160º.

Bater as claras em castelo e reservar.
Numa taça, bater bem as gemas com o açúcar até obter um creme volumoso. Juntar o óleo e o iogurte e bater mais um pouco.
Adicionar a farinha e o fermento, envolver bem e por fim juntar as claras em castelo.

Levar ao forno em forma untada e polvilhada de farinha ou pulverizada com spray desmoldante cerca de 45/ 50 minutos ao até espetar o palito e ele sair seco.

Desenformar sobre uma grelha e deixar arrefecer.




Nota - O creme de chocolate utilizado para cobrir o bolo é este.

Fonte - Livro Bimby com alterações feitas por uma amiga.

domingo, 30 de Março de 2014

Australian Pie

Sou fã do chef Bill Granger, um australiano que cozinha divinamente, na minha opinião claro. Receitas simples, deliciosas e saudáveis. mesmo a meu gosto.
Esta receita é dele, feita por mim, e aprovada por todos aqui em casa.




Ingredientes

  • 1 placa de massa folhada
  • 500gr de carne de novilho aos cubos pequenos
  • 1 cebola picada
  • 2 cenouras grandes às rodelas
  • 2 colheres de sopa de farinha
  • 1 lata pequena de tomate cortado
  • molho de soja
  • sal e pimenta
  • paprica
  • 2 copos de vinho tinto
  • 1 gema


Preparação

Num tacho, colocar a carne, sal, pimenta, paprica e a farinha. Misturar bem e juntar a cenoura, o tomate, o molho de soja e o vinho tinto.
Tapar o tacho e levar ao forno por 2 horas em forno moderado +- 150º.
Retirar para uma tarteira, (ou se o tacho for baixo, fazer no próprio tacho), cobrir com a massa folhada, pincelar com a gema de ovo, fazer uns furos com a faca para a carne respirar e levar novamente ao forno por mais 30 minutos ou até a massa ficar dourada e cozida.

Acompanhar com puré de batata e aipo.



sábado, 15 de Março de 2014

Bolo de Caramelo e Canela

Chega o fim de semana e apetece-me fazer um bolo. Este, ou aquele, ou o outro.... receitas novas para testar não faltam.
O escolhido foi este, cuja receita veio do forum Istofaz-se.
Muito aromático,  e fofo,  o caramelo não se nota muito mas a canela dá-lhe um sabor divinal.
Alterei as quantidades e vou partilhar tal como fiz.




Ingredientes


  • 4 ovos
  • 1 e 1/4 chávena de açúcar
  • 2 chávenas de farinha
  • 2/3 de chávena de óleo
  • 2/3 de chávena de leite
  • 3 colheres de sopa de caramelo
  • 1 colher de chá de canela em pó
  • 1 colher de chá de fermento em pó



Preparação

Pré aquecer o forno a 165º.

Bater as claras em castelo firme e reservar.
Bater as gemas com o açúcar até obter uma mistura fofa, juntar o óleo, o leite e o caramelo.
Adicionar a farinha, o fermento e a canela e envolver bem.
Por fim adicionar as claras sem bater.

Levar ao forno em forma redonda de 22 cm, untada e polvilhada de farinha cerca de 45 minutos ou até espetar o palito e ele sair seco.

Deixar arrefecer sobre uma grelha e servir.

quarta-feira, 5 de Março de 2014

Galinha de Cabidela.


Por aqui ainda se arranjam galinhas caseiras muito boas, e sempre que aparecem eu compro desde que sejam de confiança, que foi o caso desta. Vinha arranjada e trazia o sangue, logo não resisti e fiz uma cabidela à moda da minha avó, acompanhada da bela da batatinha frita!



Ingredientes


  • 1 galinha arranjada e cortada em pedaços pequenos
  • o sangue da galinha
  • 2 ou 3 colheres de sopa de vinagre
  • 1 cebola picada
  • 2 colheres de sopa de azeite
  • 1 ramo de salsa
  • 2 folhas de louro
  • sal e pimenta



Preparação

Colocar num tacho a galinha, a cebola, a salsa, o louro e o azeite e deixar refogar. Temperar de sal e pimenta.
Adicionar um pouco de água, tapar o tacho e deixar cozer. 

Numa taça misturar o sangue com o vinagre, mexer bem e adicionar à carne, mexendo sempre para não coagular. Deixar cozer cerca de 20 minutos, rectificar os temperos e servir com batata frita ou arroz.

Nota - Se a galinha for dura pode cozer em panela de pressão.